Archive for dezembro, 2008

O Tempo Não Para

Como cantou Cazuza “O tempo não para” depois de decorridos 365 dias, surge um novo ano. E começa tudo de novo, as lojas tiraram seus enfeites de Natal e o Papai Noel deu lugar ao branco. As loucas promessas de ano novo começam a ser feitas. relogioDe certo modo a uma nova oportunidade surgindo, teremos pela frente mais 365 dias para tentar mais uma vez aqueles planos que deixamos para trás no ano passado, teremos a oportunidade de conquistar coisas novas, aproveitando mais o tempo que nos é dado; não deixando passar aquelas oportunidades que podem mudar a nossa vida completamente, devemos arriscar mais, inovar, ser mais feliz, pois já que o tempo não para devemos aproveitar cada segundo antes que chegue o nosso tempo de parar e nós venhamos a reclamar que não aproveitamos bem o nosso tempo.

Desejo a todos meus amigos, um Feliz ano novo, cheio de realizações, repleto de amor paz, e sobre tudo repleto do amor de Deus, da paz verdadeira que só ele tem. Queridos desejo a todos que sejam muito felizes em 2009, que dêem a oportunidade de viver a vida ao lado de Deus. Ele os ama, e eu também.

Anúncios

Papai Noel só existe nos shopinggs centers

Papai Noel

Papai Noel

Nas ruas de todas as cidades vemos que se aproxima “a data magna da cristandade”, com suas pompas e correrias, para comprar os últimos lançamentos, o celular mais Hitech, a televisão de LCD 42 polegadas a prestações de perder de vista. O presentinho do filho, do sobrinho, da sogra, do sogro e quem sabe até do cunhado. (embora haja quem diga que cunhado não é parente, mas essa é outra história), lojas abarrotadas de clientes eufóricos por promoções de ultima hora, supermercados supersaturando preços de produtos que há um mês atrás era a metade do preço. E enquanto isso, nos corredores dos shoopinggs lá está ele, “o bom velhinho” um nobre senhor de barba postiça e com uma roupa que penso eu nesse calor escaldante do Rio de Janeiro deve incomodar pacas, o benfeitor e amado pelas crianças obedientes que foram boazinhas o ano todo, que não tiraram notas vermelhas, que não bateram em suas irmãzinhas ou irmãozinhos mais novos. Irão receber o tão desejado presente. Eis a marca comercial que mais dá lucro ao comercio do mundo o Papai Noel, Santa Claus para os americanos, Sant Nicolas para os Noruegueses que o descobriram. Virou o bambam do natal. E alguém por um acaso se lembra o que comemoramos no natal? Seria o nascimento do Papai Noel?

 

 

            Alguns se lembram da verdadeira historia do natal, e preparam os seus presépios, uma replica de Belém, que hoje sofre com bombardeios de “Pastores” Bin Ladens, “Reis magos” suicidas. A população moderna está esquecendo da grande data que é o natal e quem ela representa, trocamos Jesus nosso salvador, por um velhinho gordo vestido de vermelho. Precisamos rever nossos conceitos, e nos lembrar que o amor e a gratidão que envolve a todos no natal deveriam se repetir pelo resto do ano, parecem que as crianças carentes só precisam de presentes no Natal, pois só nessa época que aparecem várias campanhas de “Faça uma criança carente feliz no Natal”, ou “Seja o Papai Noel de uma criança pobre”, e as cestas básicas e só no natal que os pobres têm fome? Chega essa época eles chegam até a recusar as cestas de tantas que eles recebem. “-Por favor, cesta básica não, minha casa já esta cheia não tem nem onde guardar mais.”

            Queria que fosse Natal todo dia, assim toda criança teria um presente, toda família carente teria o que comer, todos se amariam e se abraçariam sempre! As pessoas são mais amorosas no Natal, devemos lembrar o aniversario de quem comemoramos nesse dia, devemos agradecer a ele por nos ter salvado morrendo por nós naquela cruz, por causa dos meus e dos seus pecados. Você seria capaz de dar a sua vida para salvar uma pessoa que simplesmente te ignora, que por mais que você demonstre amor por ela, por mais que você tente mostrar para ela que sem você não existe saída, essa pessoa não dá a mínima pelo seu sacrifício. Você morreria por alguém assim.

            Então eu espero que nesse natal você se lembre o que realmente é o Natal, e que você não se esqueça do presente D’Ele, embora ele não queira nada muito caro ou sofisticado ele quer apenas o seu coração. Pense nisso. Feliz Natal

Então é Natal

Origem do Natal e o significado da comemoração

O Natal é uma data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo. Na antiguidade, o Natal era comemorado em várias datas diferentes, pois não se sabia com exatidão a data do nascimento de Jesus. Foi somente no ntalséculo IV que o 25 de dezembro foi estabelecido como data oficial de comemoração. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação deste fato com a oficialização da comemoração do Natal.

As antigas comemorações de Natal costumavam durar até 12 dias, pois este foi o tempo que levou para os três reis Magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes (ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus. Atualmente, as pessoas costumam montar as árvores e outras decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o Natal.

       Do ponto de vista cronológico, o Natal é uma data de grande importância para o Ocidente, pois marca o ano 1 da nossa História.

 

 

A Árvore de Natal e o Presépio

 

Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial neste período.

 

Acredita-se que esta tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Além das estrelas, algodão e outros enfeites, ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta.

 

Esta tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram moram na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança.

Solidariedade ao povo Catarinense

Carros esmagados, casas soterradas e água por toda parte. À direita, moradores de Itajai saqueiam supermercado
Carros esmagados e casas soterradas

O Povo brasileiro é um povo sofrido, um povo carente, humilde, mas muito solidário o que vemos hoje com a tragédia de Santa Catarina são muitos brasileiros tirando do pouco que tem para ajudar aqueles que perderam tudo. A solidariedade desse povo sofrido e maltratado pelos seus governantes corruptos ultrapassa os limites da imaginação, várias pessoas do país inteiro estão se unindo e juntando alimentos, roupas, água e moveis para aqueles Catarinenses que perderam tudo com as fortes chuvas que assolaram aquele belo estado. Famílias perderam além de casa, movéis e tudo que levaram uma vida inteira para conquistar, sofrem a perda de parentes e amigos soterrados pela terra que não para de descer dos morros próximos as suas casas.

            Otem no Fantástico me comovi com o depoimento de uma meninha de uns 10 anos de idade que estava na fila para pegar roupa, ela disse a repórter que não tinha mais nenhuma roupa seca em casa, e que estava sentindo muito frio.

            Amigos e leitores, todos aqueles que puderam de alguma maneira colaborar, ajudem, existem contas vinculadas a Defesa Civil de Santa Catarina que estão recebendo depósitos para ajudar a reconstruir casas, e comprar comida e roupas para os desabrigados, seja solidário, faça com que o natal dos catarinenses seja feliz. Ajude, doe.

Veja as contas para fazer doações:

BANCO DO BRASIL
AGÊNCIA 3582-3
CONTA 80.000-7

BRADESCO
Ag. 0348-4 c/c: 160.000-1

BESC
Ag. 068-0 c/c: 80.000-0

O nome da pessoa jurídica é Fundo Estadual da Defesa Civil e o CNPJ, 04.426.883/0001-57.